"Vive de tal forma que deixes pegadas luminosas no caminho percorrido, como estrelas apontando o rumo da felicidade e não deixes ninguém afastar-se de ti sem que leve um traço de bondade, ou um sinal de paz da tua vida."
Joanna de Ângelis

Missão

  • ESPIRITIZAR, na proposta de Joanna de Ângelis, tem o sentido de resgate daquele que freqüenta, ou seja, possibilitar a que o Espiritismo seja introjetado em seu mundo íntimo e, gradualmente, passe a ser projetado na vivência da pessoa. O processo de espiritualização ocorre quando a pessoa começa a amar a Doutrina Espírita e,
    concomitantemente, sente o anseio de preservá-la, de viver a Doutrina Espírita, tendo-a
    como diretriz e referencial de vida.
  • QUALIFICAR é aprimorar. O espírita consciente sabe que é imprescindível aprofundar-se no conhecimento do Espiritismo. A partir daí, empreende a própria transformação moral, que deve ser apanágio de verdadeiro espírita. Qualificar, na visão da Doutrina, é melhorar-se, aprimorando-se a cada dia.
  • HUMANIZAR expressa a necessidade de se desenvolver o sentimento de humanidade, de solidariedade. Traz implícita a noção da caridade, no seu sentido mais abrangente. Caridade como amor em ação dinâmica, transformadora.
 
 
Blogger Templates